Lua_ +
  _Revista Geral Jeito e Talento       _Grife (((JT))) - vista seu Jeito e Talento                  
                 
  CURIOSIDADES DE ANIMAIS
CURIOSIDADES DE ANIMAIS
 
BICHOS, CUIDADOS, PET, SHOP, DINOSSAUROS, PERIGOS, COBRAS, SERRPENTES, EXTINÇÃO, ANIMAIS EXÓTICOS...

menu curiosidades A FUNÇÃO DAS COBRAS NA NATUREZAA FAUNA DAS REGIÕES POLARESDINOSSAUROSQUANTAS HORAS CADA ANIMAL DORME POR DIACURIOSIDADES SOBRE COBRASO JACARÉ-DE-PAPO-AMARELOQUAL O ANIMAL MAIS FORTETRILHAS DE JEEP - UM ANIMAIS RADICAL<QUAL O ANIMAL COM O OLFATO MAIS AGUÇADODINOSSAURO SEDUZIA PARCEIRA COM PENAS BRILHANTES, 130 MILHÕES DE ANOS ATRÁSVAGA-LUMEALGUNS ANIMAIS EXTINTOSPERFIL DA RAÇA DE CÃES: PEQUINÊSTIPOS DE DINOSSAUROSFÓSSIL DE MAIOR DINOSSAURO COM PENAS É DESCOBERTO NA CHINAA FAUNA DAS REGIÕES POLARES - A FAUNA DAS REGIÕES POLARES - ContinuaçãoPULGAS GIGANTES PERTURBAVAM OS DINOSSAUROS HÁ 150 MILHÕES DE ANOSGATOS - VOCÊ SABIA?PERFIL DA RAÇA DE CÃES: POODLEPERFIL DA RAÇA DE CÃES: ROTTWEILERPERFIL DA RAÇA DE CÃES: PASTOR ALEMÃOANIMAIS EM RISCO DE EXTINTIÇÃO NO BRASIL

RELACIONADOS: CURIOSIDADES RECEITAS FOTOS
 
 
13 - A FUNÇÃO DAS COBRAS NA NATUREZA _Silva Advogados _Portal Jeito e Talento_variedades
 


"As cobras tem a função de comer insetos que prejudicam a natureza e a vida humana.
E as cobras não venenosas se alimentam de outras cobras, principalmente das venenosas.
Além disso, o veneno de cobras, além de fornecer o soro antiofídico, que serve para combater os efeitos da própria picada, produz várias espécies de vacinas, e que o conhecido Captopril, que controla pressão arterial alta, é feito com veneno da Jararaca.


Atualmente, testes estão sendo feitos em laboratórios, utilizando o veneno dessas serpentes, na cura do cânce
r de mama e da AIDS.

E esses animais peçonhentos tem contribuído muito na preservação da Mata Atlântica.
Portanto, diante de todos estes esclarecimentos, a atitude mais sensata não é a matança
desses animais, mas proteger-se adequadamente contra suas picadas, já que são importantes para o equilíbrio da natureza."



+
Revista Jeito e Talento - Eventos e Festas

_Enigmas JT

 
  Revista Jeito e Talento - Portal PIADAS DE PAPAGAIO_piadas JT
 
  COMO MANTER O SEU CÃOZINHO EM FORMA_dicas JT
Especial Jeito e Talento - Casamentos  
  ...Vizioli Imóveis = compra, venda, administração e locação = Vizioli Imóveis...
 
 
14 - A FAUNA DAS REGIÕES POLARES _Sartori Informática_micros-cursos-internet à rádio _Ao Ganha Pouco_materiais para construção, constutora
 

 

A fauna das regiões polares está concentrada numa faixa ao longo das regiões oceânicas não congeladas. Os animais que conseguem viver perto dos pólos são todos endotérmicos (sangue quente) e a maior parte obtém os seus alimentos do mar.
Nas regiões Árcticas e Antárcticas vivem espécies diferentes de mamíferos e aves, embora as focas, como grupo, sejam comuns a ambas.
O Árctico apresenta 48 espécies de mamíferos terrestres nativos enquanto que na Antárctida não existem nenhumas.
Na Antárctida não há equivalente ao urso polar e o Árctico não tem pinguins.
Aqui apresentamos algumas espécies que podemos encontrar nestas duas regiões

.
Fauna do Árcticos, Maiores Mamíferos Terrestres do Árctico: Urso Polar (Ursus maritimus)
Espécie exclusiva do Hemisfério Norte, é um mamífero membro da família dos Ursídeos, típico e espontâneo do Árctico.
Distribuição geográfica:
Nas regiões do Árctico: Alasca, norte do Canadá, Gronelândia, extremo norte da Europa e Sibéria.
Características físicas: O peso médio de um urso polar macho varia entre 350kg a 650kg e o peso da fêmea varia entre 150kg e 250 kg ( 3 vezes menor que o macho);

Pode atingir 2,5 metros de altura (macho);
À nascença, as crias pesam entre 454-680 g e medem 30 cm; Tem o pêlo todo branco (desta forma fica mais protegido em relação aos inimigos porque confunde-se com o gelo);
O pêlo é oleoso com uma espessura de cerca de 2,5cm e uma camada de gordura de cerca de 11cm que o protegem do frio.
Alimentação do urso polar: Focas, peixe, nomeadamente o bacalhau e o salmão, aves marinhas, frutos, plantas, moluscos e algas marinhas.
Curiosidades sobre o urso polar:
É também conhecido como urso-branco;
O urso polar é um excelente nadador (atinge cerca de 10 km/h);
Consegue nadar 80 km sem parar e mergulhar debaixo de água cerca de 2 minutos;
Vive, de preferência, perto da água para poder caçar focas com mais facilidade;
Por vezes, desloca-se em cima de blocos de gelo flutuantes em busca de alimento;
O urso polar chega a viajar 30 km ou mais por dia, durante vários dias consecutivos;
A fêmea é muito dedicada às suas crias;
Uma mãe protege as suas crias usando o seu corpo, nariz ou patas;
As crias permanecem com a mãe até aos 2 a 3 anos de idade;
O urso polar hiberna, mas apenas as fêmeas grávidas entram num estado profundo de sono, isto quer dizer que a hibernação do urso polar não é total, pois acordam facilmente.
Ameaça de extinção
A diminuição das camadas de gelo e o prolongamento do Verão Árctico obrigam os ursos a irem buscar comida aos lugares povoados pelo homem.
Por outro lado, numerosos ursos afogam-se após nadar centenas de quilómetros à procura de blocos de gelo aos quais se possam agarrar.

Boi Almiscarado (Ovibos moschatus)

Distribuição geográfica:
Regiões árcticas do Canadá, Gronelândia, do Alasca e também se podem encontrar na Escandinávia e norte da Rússia.

Características físicas:
Pode alcançar até 2,3 metros de comprimento e 1,5 de altura nos ombros;
O seu peso varia entre os 200 e os 400 Kg, havendo alguns que ultrapassam este limite;
Uma característica particular reside nos seus longos chifres curvados;
Possui pêlos de cor acastanhada escura, por vezes confunde-se com os tons acinzentados.

Alimentação:
Gramíneas, juncos e plantas da família Cyperaceae e outras.

Curiosidades:
Escava através da neve no Inverno para alcançar a sua comida;
Quando o rebanho é ameaçado, formam um círculo em torno dos bezerros.
Rena (Rangifer tarandus)

A rena ou caribu (na América do Norte) é um cervídeo de grande porte, com chifres e vive em manadas.

Distribuição geográfica:
Regiões Árcticas do norte do Canadá, Alasca, Rússia, Escandinávia e Islândia.

Possui pernas compridas, com cascos afiados e patas peludas que garantem a tracção sobre solos congelados;

A fêmea é a única da família dos cervídeos que tem armações (chifres) como o macho, embora sejam um bocadinho menos desenvolvidas do que as dos machos;

Têm 1,20 m de altura pesam entre 200 e 300 quilos;

Alimentação:
Bambus, folhas de sempre-vivas, ervas rasteiras, principalmente líquenes e também comem pequenos pássaros e ovos.

Curiosidades:
As renas são os animais que ajudam o Pai Natal na distribuição dos brinquedos às crianças de todos os países;
Duas vezes por ano percorrem 1.000 km ou mais entre os seus territórios estivais e de Inverno;
As armações crescem e caem todos os anos. No Verão as armações da rena são revestidas por uma pele fina que parece veludo. No mês de Novembro a armação separa-se da cabeça e cai. Mas volta a nascer novamente na Primavera, maior que a anterior;
As armações servem principalmente para exibição e como arma durante as competições dos machos pela posse das fêmeas.

Lobo Árctico (Canis tundrarum )

O lobo do Árctico é o maior de todos os tipos de lobos.

Distribuição geográfica:
Extremo norte do Canadá e extremo norte da Gronelândia.

Características físicas:
Tem um pêlo branco, castanho ou cinzento, consoante a época do ano.

Alimentação:
Ovos de ganso, gansos, etc.

Curiosidades:
O Lobo do Árctico pode farejar a presa a 1,6Km de distância;
Fica imóvel e fareja o ar antes de sair à procura da presa;
Quando encontra a presa, esconde-se no gelo, confundindo-se desta forma com o branco da neve.
Quando sobra comida, ele enterra para comer quando necessário.

Raposa-do-Árctico (Alopex lagopus)

Distribuição geográfica:
Vive em toda a região Árctica, principalmente na tundra Árctica.

Características físicas:
Tem um pêlo branco, castanho ou cinzento, consoante a época do ano.

Alimentação:

Pequenos mamíferos (mortos ou vivos);
Insectos, frutas, carniça e todo tipo de restos de comida deixados pelo homem.

Curiosidades:
Muda de cor consoante as estações do ano. No Inverno, o seu pêlo é branco para se confundir com a neve.

Alaskan Malamute

Alaskan Malamute é o nome atribuído pelos índios norte-americanos esquimós que viviam no Alasca.

Características físicas:
Tem pêlo grosso e espesso;
É de diversas cores;Os olhos são castanhos.

Curiosidades:

Estes cães eram usados para puxar trenós, para caçar o urso branco e para defender os acampamentos e as manadas de caribous (renas norte-americanas) dos predadores;

Adapta-se com facilidade a climas temperados.

Mamíferos Marinhos

Morsa (Odobenus rosmarus)

Distribuição geográfica:
Águas do Árctico.

Características físicas:
Pode medir até 4 metros de comprimento e pesar até uma tonelada (as maiores ultrapassam 1,6 toneladas);

Possuem uma pele enrugada e áspera;
O focinho tem um grande bigode e dois enormes dentes caninos pendentes.

Alimentação:
Moluscos, caranguejos e peixes.

Curiosidades:
Os caninos (ou presas) são muito importantes para arrancar moluscos e caranguejos do fundo do mar;
As morsas são muito procuradas pelo marfim dos seus caninos;
Os seus caninos podem atingir um metro de comprimento;
Em terra andam quase aos saltos.

Foca Barbuda (Erignathus barbatus)

Distribuição geográfica:
Alaska, o oceano Árctico e nas regiões dos mares de Bering, de Chukchi, e de Beaufort .

Características físicas:
Tem cor castanha ou acinzentada;
O peso de um adulto varia entre 216 a 360kg;
A altura média de 2.4m a 2.5m;

Tem bigodes brancos longos;
As crias têm 1,3m e pesam à volta de 30 a 40kg.

Alimentação:
Invertebrados, peixes ,caranguejos, moluscos e caracóis.

Curiosidades:
A carne destas focas é a mais apreciada de todas, faz parte da dieta alimentar dos povos árcticos e a sua pele é usada para a elaboração das mais diversas coisas.

A caça excessiva destas focas é uma constante ameaça.

Foca capuz ( Crystophora cristata)

Distribuição geográfica:
Gronelândia e norte do Canadá.

Características físicas:
O macho alcança um comprimento de 260cm e pesa 365kg ,a fêmea mede 220cm e pesa 225kg;
A foca bebé é branca mas rapidamente muda de cor.
O macho tem um saco nasal vermelho que mostra especialmente quando está irritado.

Alimentação:
Peixe, crustáceos.

Curiosidades:
Estas focas foram sujeitas a uma caça intensiva durante muitos anos. Actualmente a população está a aumentar progressivamente devido à diminuição da caça.

Os adultos têm uma cor prateada escura e os bebés têm a pele branca.

Alimentação:
Moluscos, caranguejos e peixes.

Curiosidades:
Migram na Primavera 3.200km para sul, desde o Árctico até ao golfo de São Lourenço para acasalar, procriar e mudar de pêlo;

Ameaça de extinção
As focas da Gronelândia irão sofrer consequências graves com o degelo, pois se a placa de gelo for muito mole não proporcionará uma base estável para dar à luz;
A caça excessiva destas focas ( principalmente bebés) é uma constante ameaça.

Foca da Gronelândia

Distribuição geográfica:
Gronelândia e norte do Canadá ( golfo de St. Lawrence)

Características físicas:
Comprimento máximo: machos, 1.9 m; fêmeas, 1.8 m; as crias, 0.85 m à nascença;
Peso máximo: machos, 135 kg; fêmeas, 120 kg;
Cabeça longa e larga;
Os adultos têm uma cor prateada escura e os bebés têm a pele branca.

Alimentação:
Moluscos, caranguejos e peixes.

Curiosidades:
Migram na Primavera 3.200km para sul, desde o Árctico até ao golfo de São Lourenço para acasalar, procriar e mudar de pêlo;

Ameaça de extinção
As focas da Gronelândia irão sofrer consequências graves com o degelo, pois se a placa de gelo for muito mole não proporcionará uma base estável para dar à luz;
A caça excessiva destas focas ( principalmente bebés) é uma constante ameaça.

Baleia Branca ou Beluga (Delphinapterus leucas)

Distribuição geográfica:
Águas frias em torno do Círculo Polar Árctico.

Características físicas:
É a única espécie da baleia que é inteiramente branca;
Mede até 5 metros de comprimento e pesa até 1,6 toneladas, as fêmeas pesam à volta de 1.350 kg e os machos 1.500 kg;
Tem entre 8 a 10 dentes em cada maxilar.

Alimentação:
Peixes, lulas, crustáceos e polvos.

Curiosidades:
Chamada canário do mar por causa dos seus assobios e cantos.

www.curiosidades.jeitoetalento.com.br



+
Revista Jeito e Talento - Turismo e Lazer

_Frases|frases jeito e talento

 
  Revista Jeito e Talento - Eventos e Festas ZOOLÓGICO E BOSQUE DE RIBEIRÃO PRETO/SP _fotografando JT
 
  COMO TIRAR O MAL CHEIRO DE GAIOLAS_dicas JT
Especial Jeito e Talento - Casamentos  
  ...Silva Advogados = direitos cível, previdenciario e trabalhista...
 
 
15 - A FAUNA DAS REGIÕES POLARES - A FAUNA DAS REGIÕES POLARES - Continuação _Guardião - Segurança Eletrônica _Loja do Sidney_calçados, enxovais, confecções em geral
 

 

Crustáceos:
Camarão Vermelho do Árctico

Distribuição geográfica:
Vive nas águas frias e profundas do Mar da Noruega e do Mar de Barents. Pode ser encontrado ao longo da costa da Noruega e nos fiordes profundos.

Curiosidades:
O camarão vermelho de água profunda é do sexo masculino quando nasce e transforma-se em fêmea após os 2,5 a 4 anos de idade;
Acasala no Outono e o camarão-fêmea carrega as ovas externamente na parte posterior do corpo até à Primavera.
É rico em em vitamina B12 e rico em vitaminas lipossolúveis A, D e E.


Fauna da Antárctida:

A vida animal da Antárctida inclui muitas espécies de aves, focas, golfinhos e baleias. Os animais típicos do oceano Antárctico são : os pinguins, as focas leopardo, Krill (euphausiacea superba) e espécies de albatrozes. Podemos, no entanto encontrar, outros animais nas águas próximas da Antárctida.

Mamíferos Marinhos

Foca-leopardo(Hydrurga leptonyx)

Distribuição geográfica:
São naturais dos mares próximos da Antárctida. Os adultos vivem nas águas geladas durante todo o ano.

Características físicas:
As focas-leopardo são grandes e musculosas;

Têm uma cor cinza, um pouco mais escura nas costas e mais clara na barriga;
As fêmeas são normalmente maiores que os machos, medindo à volta de 2,4 a 3,6 metros e pesando até 600 kg; os machos medem 2,4 a 3,2 metros e pesam até 400 kg.

Alimentação:
Lulas, pinguins, krill, peixes oceânicos, e com menos frequência pequenas focas.

Curiosidades:
Em 2003, uma foca-leopardo matou uma bióloga que estava a mergulhar;
São excelentes nadadores, mas com pouca habilidade em terra firme, sendo, deste modo, presas fáceis em terra;
A foca-leopardo é a maior das focas que vivem na Antártida.

Foca de Weddell (Leptonychotes Weddlli)

Distribuição geográfica:
São naturais dos mares próximos da Antárctida .

Características físicas:
Têm uma cor clara com manchas escuras;
As fêmeas são normalmente maiores que os machos, medindo à volta de 2,6 a 3,3 metros e o seu peso máximo pode ir até 550kg;
Os machos medem 2,5 a 3 metros;
As crias quando nascem medem 1,5m e pesam à volta de 25kg.

Alimentação:
Peixes e crustáceos.

Curiosidades:
Consegue mergulhar a uma profundidade de 600m durante uma hora;
Nada a uma velocidade de 12km por hora.

Foca-caranguejeira (Lobodon carcinophagus)

Distribuição geográfica:
São naturais dos mares próximos da Antárctida .

Características físicas:
Têm uma cor acinzentada;
Um adulto mede à volta de 2,2 a 2,6 metros e pesa aproximadamente 220kg, as fêmeas são ligeiramentemais pesadas;

As crias quando nascem medem 1,2m e pesam à volta de 30kg.

Alimentação:
Principalmente Krill.

Curiosidades:
Consegue mergulhar a uma profundidade de 430m durante dez minutos;
Nada a uma velocidade de 12km por hora;
Normalmente passam a noite na água e descansam durante o dia nos blocos de gelo.

Aves Marinhas

Pinguins da Antárctida
O pinguim é uma ave não voadora, característica do Hemisfério Sul. A maior diversidade de pinguins encontra-se na Antárctida. As espécies que permanecem mais tempo nestas águas são: imperador, rei, gentoo, macaroni, adélia e chinstrap.

Alimentação:
Os pinguins alimentam-se de camarão do Antárctico (krill), lulas e peixe.

Pinguim-Rei (Aptenodytes Patagonicus)

Distribuição geográfica:
Esta espécie vive nas ilhas subantárctidas.

Características físicas:
É parecido com o imperador. O pinguim-rei tem manchas amareladas junto às orelhas;
A altura média de um adulto é de 90 cm e o peso médio de 16 Kg.

Curiosidades:

A sua população é mais ou menos numerosa (4 milhões).

Pinguim-Gentoo (Pygoscelis Papua)

Distribuição geográfica:
Esta espécie existe nas ilhas da Antárctida e Ilhas Malvinas.

Características físicas:
Um adulto tem em média 75 cm e pesa 6 kg;
O Pinguim-Gentoo tem o bico laranja bem vivo;
Tem uma mancha branca por cima dos olhos.

Curiosidades:
É a ave nadadora mais rápida do mundo, atingindo 36 km/h em profundidade.

Pinguim-Adélia (Pygoscelis Adeliae)

Distribuição geográfica:
É uma das espécies que nidificam no continente Antárctico.

Características físicas:
A altura média de um adulto é de 70 cm e 4 kg de peso.

Curiosidades:
É uma das espécies mais numerosas do mundo (5 Milhões).

Pinguim-Imperador ( Aptenodytes Forsteri )

Distribuição geográfica:
Continente da Antárctida.

Características físicas:
Os adultos podem medir até 1,1 metros de altura e pesar até 30 kg;
Caracteriza-se pela plumagem multicolorida: cinza azulado nas costas, branco no abdómen, preto na cabeça e barbatanas;

Apresenta também uma faixa alaranjada em torno dos ouvidos.

Curiosidades:
A sua população está estimada em 440 mil.
Os machos desta espécie são uns dos poucos animais que passam o Inverno no continente da Antárctida.
Pescam em profundidades até 250 metros.
Pode ficar submerso cerca de vinte minutos, tempo que o mesmo aguenta sem respirar.
As fêmeas põem um único ovo em Maio/Junho. No final do Outono, abandonam o companheiro para passar o Inverno no mar.

O ovo é incubado pelo macho durante cerca de 65 dias, que corresponde ao Inverno Antárctico.
Para superar temperaturas de -40º C e ventos de 200 km/h, os machos amontoam-se e passam a maior parte do tempo dormindo para poupar energia.
Eles nunca abandonam o ovo, que morreria de frio, e sobrevivem à base da camada de gordura acumulada durante o verão.
A fêmea substitui o macho apenas quando regressa no princípio da Primavera. Se a cria nasce antes do regresso da mãe, o macho do pinguim-imperador alimenta o filho com secreções de uma glândula especial existente no seu esófago.

Pinguim Macaroni (Eudyptes chrysolophus)

Distribuição geográfica:
A região Subantárctica.

Características físicas:
Tem 70cm de comprimento e pesa em média 5,5 Kg;
Tem um bico grosso e alaranjado;
Possui uma crista dourada caída.

Curiosidades:
Mergulha em profundidade 20 a 80 metros.

Pinguim de Chinstrap ou de Barbicha

Distribuição geográfica:
Península Antárctica.

Características físicas:
Pescoço branco com uma listra fina preta sob os olhos.

Curiosidades:

Vivem e produzem-se em colónias grandes, normalmente em icebergs grandes no oceano aberto.
Ave voadora mais comum na Antárctida.

Albatroz( Diomedea exulans)

Distribuição geográfica:
Antárctida até ao Trópico de Capricórnio.

Características físicas:
O macho pesa entre 8 a 12Kg e a fêmea entre 6 a 8kg.
A envergadura varia entre 2,80 e 3,5m;
Alimentação:
Lulas, mamíferos mortos, águas vivas e crustáceos.

Curiosidades:
Podem viver até os 50 anos.

Ameaça de extinção
Um estudo britânico mostra que o aquecimento global pode fazer com que as populações de pinguins e de outras espécies de aves marinhas, que vivem na costa e nas ilhas da Antárctida, desapareçam dentro de alguns anos.

Crustáceos
Krill (euphausiacea superba)

Crustáceo parecido com camarão.

Distribuição geográfica:
Vive nas águas frias da Antárctida.

Características físicas:

Crustáceo minúsculo com um comprimento médio de 5 mm.

Alimentação:
Fitoplâncton ( organismos vegetais em suspensão na água do mar).

Curiosidades:
Krill (euphausiacea superba) é a espécie de Krill com mais importância, existe à volta de 500 milhões de toneladas desta espécie;
O Krill alimenta 25 espécies de peixe e de cefalópodes, uma variedade de aves marinhas- pinguins e outras aves, baleias e focas;
A captura do Krill feita pelo Homem pode pôr em causa a cadeia alimentar desta região.

Exemplos de animais que podemos encontrar em todos os oceanos

Orca (Orcinus orca)

A Orca é da família dos golfinhos.

Distribuição geográfica:
Podemos encontrá-la em todos os oceanos, nas regiões Árctica e Antárctida.

Características físicas:

Tem o dorso negro e a zona ventral branca;
Tem manchas brancas na parte lateral posterior do corpo, bem como acima e detrás dos olhos;
Tem uma barbatana dorsal muito grande ( pode atingir 1,8 metros de altura), a maior do reino animal;
Os machos podem medir até 9,5 metros de comprimento e pesar até 6 toneladas;
As fêmeas são menores, têm em média 8,5 metros de comprimento e 5 toneladas de peso.

Alimentação:
Peixes, moluscos, aves, tartarugas, morsas e outras baleias

Curiosidades:
Também é designada por baleia assassina, no entanto não é uma baleia mas sim um golfinho. Esta designação está relacionada com o facto de caçarem outros cetáceos jovens.

As crias nascem com cerca de 180 Kg e medem cerca de 2,4 metros de comprimento.

Baleia Azul (Balaenoptera musculus)

Distribuição geográfica:
Pode ser encontrada em todos os oceanos

Características físicas:
A baleia azul usa lâminas córneas na cavidade bucal para filtrar o alimento (plâncton) da água do mar;
A baleia azul é o maior animal que existe na terra, tem em média 23m a 25m de comprimento, podendo
chegar a ter 30m e mais de 150 toneladas de peso;
O seu pénis chega a 4 metros de comprimento e 1 metro de diâmetro.

Alimentação:
Alimenta-se sobretudo de pequenos crustáceos, principalmente eufasiáceos (parecidos com pequenos camarões), que são consumidos em grande quantidades.

Curiosidades:
O pulmão desta baleia pode conter aproximadamente cinco mil litros de ar.
Fazem migrações pendulares, deslocando-se durante o Verão para águas mais frias;
Durante o Inverno retornam às águas tropicais ou temperadas onde ocorre a maior parte da actividade sexual e dos nascimentos.

Aves
A maioria das aves da Tundra é migradora e voa para sul no Outono.

Andorinha do Árctico (Sterna paradisaea)

Distribuição geográfica:
Regiões polares ( no seu percurso migratório passa por outras regiões- Temperada e Quente).

Alimentação:
Peixes, cefalópodes e crustáceos.

Curiosidades:
A andorinha-do-mar Árctico é a que realiza percursos mais longos. No Verão, reproduz-se nas zonas circumpolares do Árctico. No Outono, voa em direcção a sul até à Antárctida e na Primavera seguinte volta de novo para norte."

www.curiosidades.jeitoetalento.com.br



+
Revista Jeito e Talento - Ensino - Cultura - Arte

_Enigmas JT

 
  Revista Jeito e Talento - Eventos e Festas PIADAS DE PAPAGAIO_piadas JT
 
  ZOOLÓGICO E BOSQUE DE RIBEIRÃO PRETO/SP _fotografando JT
Especial Jeito e Talento - Aniversários  
  ...Vídeos Mais JT_os vídeos mais legais...
 
 
16 - GATOS - VOCÊ SABIA?
by Daniel Simões
_CSC Vasos_cerâmica artística e vasos ornamentais _Enigmas JT_treine seu raciocínio
 

 


Homens e gatos possuem a mesma região do cérebro responsável pelas emoções.
O gato possui mais ossos do que os humanos.
Enquanto o homem possui 206 ossos, os gatos 245 ossos.
Os gatos, como caçadores, alimentam-se de insetos, pequenas aves e roedores.
Os gatos não-domesticados, abandonados e sem dono, ou gatos domesticados que se alimentem livremente, consomem entre 8 a 16 refeições por dia.
Os gatos são animais fascinantes e místicos.

Assim como os seres humanos, os gatos roncam desde a primeira semana de vida.
Mais tarde, o ronco aparece quando o acariciamos ou lhe oferecemos um alimento que ele goste ou a presença de alguém que lhe agrade.
O ronronar nem sempre é sinal de alegria.
Alguns gatos ronronam também quando estão assustados ou com dor.
Existe muito a dizer sobre este animal e deixamos aqui algumas curiosidades que tentam desvendar algumas das questões mais engraçadas sobre estes bichinhos.
O Maicis, antecessor genético dos gatos, era um pequeno animal que vivia em cima de árvores há 40/50 milhões de anos atrás.


Raças de Gatos


- Abíssinio
- Americano de Pêlo Curto
- Angorá
- Azul Russo
- Balinês
- Bengali
- Bobtail Japonês
- Bosques da Noruega
- Burmilla
- Chartreux
- Chinchila
- Cornish Rex
- Creme Inglês de Pêlo Curto
- Curl Americano
- Devon Rex
- Esfinge
- Europeu Comum
- Exótico de Pêlo Curto
- Gato Rafeiro
- Havana
- Inglês de Pêlo Curto
- Javanês
- Korat
- Maine Coon
- Manx
- Mau Egípcio
- Norueguês da Floresta
- Pêlo Curto Brasileiro
- Persa
- Preto Inglês De Pêlo Curto
- Ragdoll
- Sagrado da Birmânia
- Siamês
- Somali
- Scottish Fold
- Tonquinês

www.curiosidades.jeitoetalento.com.br



+
Revista Jeito e Talento - Turismo e Lazer

_Fotografando JT

 
  Revista Jeito e Talento - Turismo e Lazer O MUNDO DOS DINOSSAUROS_fotografando JT
 
  ZOOLÓGICO DE SÃO PAULO/SP_fotografando JT
Especial Jeito e Talento - Futebol  
  ...Receitas JT_faça você mesmo e saboreie...
 
HISTÓRIA DAS COPAS, JOGOS, FUTEBOL DE MODO GERAL
     
Recomende: facebook | twitter | orkut | msn (contato@jeitoetalento.com)
 
 
 
CURIOSIDADES (JT)

CURIOSIDADES (JT)
 
    ANTERIORES - PRÓX. CURIOSIDADES    
  PÁGINAS << 01 ... 03 04 05 ... 06 >> MENU  
VEJA TAMBÉM...

menu fotos Carros e Belas GarotasMotos e GatasGarotas das CorridasGarotas do SkateMulheres dos Jogadores Copa 2014Gatas do SurfBelas e Musas das PraiasGarotas do Ringue menu fotografando

_anuncie_ __________ PORTAL __________ _anuncie_
GRIFE JEITO E TALENTO _Vizioli Imóveis_compra, venda, administração e locação _Eletroserv_material e instalações elétricas em geral, alarmes e antenas GRIFE JEITO E TALENTO

Painel Jeito e Talento Painel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e Talento

(www.cscvasos.jeitoetalento.com)
(JT) (www.jogosmais.jeitoetalento.com)