Lua_ +
  _Grife (((JT))) - vista seu Jeito e Talento       _Grife (((JT))) - vista seu Jeito e Talento                  
                 
  CURIOSIDADES DE MUNDO
CURIOSIDADES DE MUNDO
 
MUNDO, AEROPORTOS, AS SETE MARAVILHAS, ERA DO GELO, MEDIVAL, ANTIGO, MODERNO...

menu curiosidades O PRIMEIRO SELO DO MUNDOA ERA DO GELOOS AEROPORTOS MAIS PERIGOSOS DO MUNDODESCOBERTO NOVO PLANETAAS SETE NOVAS MARAVILHAS DO MUNDO0S ANIMAIS DA ERA GLACIALAS SETE MARAVILHAS DO MUNDOAS CIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO

RELACIONADOS: CURIOSIDADES RECEITAS FOTOS
 
 
05 - 0S ANIMAIS DA ERA GLACIAL _Enigmas JT_treine seu raciocínio _Dicas JT_como fazer, como resolver
 

 

"Informações colhidas junto a "Exposição Era do Gelo"

MAMUT - Mammuthus Primigenius

Seu habitat geográfico: Europa, Ásia, América do Norte.

Sua presença temporal: Do meio do pleistoceno até o final do pleistoceno (700.000 anos até 10.000 anos)

Descrição: Os mamutes foram uns animais poderosos com patas relativamente curtas, adaptados à vida na tundra, nas estepes cobertas e na beira da taiga. Sua cabeça é maior e mais alta que a do elefante. Na moleira estavam os nódulos, que representam o ponto mais alto do corpo do mamute. As presas grandes de 4 metros de comprimento estavam dobradas

para cima e eram usadas como pá para abrir caminho na neve. Para se proteger de um clima tão severo, os mamutes tinham uma pelagem longa de cor preta e parda, chegandoaté o vermelho.

Sua tromba terminava de uma maneira diferente da que possuem os elfantes atuais. O "dedo" (protuberância) de cima era parecido com o de alguns elefantes contemporâneos, enquanto " dedo" de baixo no caso de mamutes foi substituído por uma larga faixa móvel. Os mamutes viviam em grupo, como os elefantes contemporâneos.
Segundo as plantas encontradas entre seus dentes e os restos em seus estômagos, se alimentavam com vegetação herbosa das estepes árticas.

Curiosidades: os restos dos mamutes se encontram às vezes em excelente estado graças a um "refrigerador natural" - o permafrost (terra, gelo e rochas permanentemente congeldos). Neste caso se conserva perfeitamente também o DNA. Comparando seu Dna com o dos elefantes atuais, descobriu-se que os mamutes são parecidos com os elefantes da Àfrica, o que provoca contradição com a sua semelhança morfológica mais estreita com os elefantes da Ìndia. Além de órgãos e tecidsos, são conservados naturalmennte também os ossos e as presas, muito procuradas hoje em dia por conta da proibição internacional do tráfico de marfim.
MOA - Sdinornis giganteus

Seu habitat geográfico: Nova Zelândia

Sua presença temporal: 2 milhões de anos até o século 17 (várias espécies)

Descrição: O maior pássaro não voador da história aparece com algumas espécies somente na Nova Zelândia. Sua cabeça, com um bico curvo, era pequena em compraração com o resto do corpo. Seu pescoço media de 1,5 a 2 metros, metade de sua altura total. O corpo não apresentava sinais de existência de asas. Os pássaros moa, em geral, pastavam, mas foram capazes de se alimentar com folhas e pinhas. A s aves moa colocavam um ou dois ovos de 24cm de altura e um diâmentro de 18cm, o que representa uma capacidade de 4,5 litros (isso corresponde a 80 ovos de galinha). Segundo os estudos de DNA, os exemplares maiores eram fêmeas,
1,5m mais altas e 2,8 vezes mais pesadas que os machos.

Curiosidade: A moa é um exemplo típico de gigantismo. Em condições específicas, configuram-se formas animais muito grandes (gigantismo) ou muito pequenas (enanismo), que em certas épocas ecológicas
substitueem os animais mais frequentes em outras regiões. A moa substituiu, na Nova Zelândia, os grandes mamíferos andantes, que não estavam na ilha até a chegada dos europeus. As outras formas semelhantes de grandes pássaros se desenvolveram, por exemplo, em Madagáscar (gênero Aepyamis), onde, como o Dinornis, se extinguiram no século 17 pela intervenção do "homem moderno".
URSO-DAS-CAVERNAS - Ursus spelaeus

Su habitat geográfico: Europa e parte da Rússia
Sua presença temporal: 100.000 até 10.00 anos

Descrição: Um dos atributos mais especulares do urso-das-cavernas é seu crânio bem largo e arqueado, com uma grande testa. Esse animal teve formas carnívoras e também herbívoras. Os longos períodos de hibernação e pouco movimento proporcionavam a manifestação de vários fenômenos patológicos, por exemplo, nos ossos. também costumava acontecer desses ursos morrerem hibernando durante ataques de lobos e hienas cavernárias.

Curiosidade: O dimorfismo sexual se manifesta significativamente pelo tamanho do machos, que
eram maiores que as fêmeas.
A dimensão dos ursos-das-cavernas variava de acordo com a temperatura em geral: no período interglacial apareciam com formas menores, ao contrário dos perídos glaciários, em que eram maiores.
CASTOR-GIGANTE - Castoroides ohioensis

Seu habitat geográfico: América do Norte (um gênero parecido, menor, foi encontrado na Eurásia)
Sua Presença temporal: Viveu desde o terciário - há 2,5 milhões de anos, e se extingiu há 10.000 anos.

Descrição: É o maior roedor conhecido nos últimos 2 milhões de anos. Sua presença se relaciona quase sempre, com os pântanos que formam um ambiente defirente de onde vive o castor de hoje, que
parecia de água corrente e bastante profunda. Os castoroides, e também o gigante castor de Eurásia - Trogontherium - que era um terço menor, são considerados animais interessantes, parecidos com os castores contemporâneos.

Curiosidade: A reconstrução do rabo dos Castoroides deixa dúvidas sobre sua forma real. Provavelmente o rabo não teve a forma esmagada de uma pá escamosa, como encontramos nos castores de hoje. Supõe-se que era de corte anular, moderadamente achatado dos lados, com um rabo parecido com o de outros mamíferos semi-aquáticos - a ondatra (rato-almiscarado) e a nútria ( ratão-do-banhado).
GLIPTODONTE - Glyptodon

Seu habitat geográfico: As Américas

Sua presença temporal: Os primeiros
gliptpdontes apareceram há 40 milhões de anos, e os últimos foram extintos há 10.000 anos

Descrição: Os gliptodontes levavam, à semelhança de seus aliados tatus-galinha, uma vida modesta com uma tolerância bem grande ao consumo de alimentos. Seus membros estavam armados - como no caso das preguiças - com unhas grandes. Seu corpo era coberto por um mosaico de milhares de placas ósseas soldadas ( 1 a 7 cm de espessuras) as quais, além do

tronco do animal, protegiam também a moleira da cabeça em forma de casco.

Em algumas espécies, a cauda se transformou em um tubo ósseo, coberto de espinhos, e na extremidade podia ter uma espécie de clava.

Curiosiade: A carpaça que protegia os gliptpdontes contra os ataques não é encontrada em outros mamíferos. Os únicos animais compraráveis a eles foram os ankylosauros da época secundária, que possuíam, como os gliptodontes, as placas ósseas em toda a superfície do corpo e cauda, com molas que usavam como chocalho. Algumas das últimas formas de gliptodontes foram caçadas e, provavelmente, também criadas por índios sul-americanos.

TIGRE-DENTES-DE-SABRE - Smilodon populator

Seu habitat geográfico: As Américas

Sua presença temporal: Os primeiros representantes do gênero Smilodon apaareceram há 2,5 milhões de anos, e os últimos se extinguiram no final do pleistoceno, há 11 mil anos.

Descrição: Smilodon representa um extinto grupo, o Machairodon-tinae, que foi extremamente especial. Às vezes e, sem razão, o Smilodon é denominado tigre com dentes em "forma de sabre", mas não teve nada em comum com os tigres. Esta " forma sabre" é um excessivo prolongamento e achatamento de seus dents caninos, que ás vezes possuem uma limadura suave para qu e ele se alimentasse de estepes. O alimento principal deste animal era em sua maioria formado por pequenos ungulados (mamíferos com casco), mas o Smilodon, é claro, não desprezava nem mesmo as carniças.

Curiosidade: No Rancho La Brea (que hoje forma uma parte da cidade de Los Angeles, Califórnia) encontraram-se grande quantidade de restos dos grandes mamíferos e tambéem centenas de esqueletos de Smilodons. (principalmente da espécie Smilodon fatallis) nas armadilhas naturais formadas por lagos de piche. Os Smilodons eram atraídos pelas carniças de mamíferos (caídos no piche), que estavam se decompondo. Os tigres-dente-de-sabre eram em sua maioria jovens animais sem experiência.

MAPINGUARIÇU (Megatério) _ Megatherium americanum

Seu Habitat Geográfico: América do Sul, gêneros semelhantes encontrados na América central e na América do Norte

Sua presença temporal: 2.000.000 de anos a 8.000 anos.

Descrição: Os megatérios eram mamíferos desdentados de tamanho variado. Os exemplares maiores chegavam a ter dimensões semelhantes às dos elefantes. Isso corresponde a um esqueleto ostensivamente robusto, com uma estrutura pélvica extremamente grande e com um rabo forte e musculoso. Os megatérios se levantavam sobre seus membros inferiores, apoiando-se com o rabo, o que lhes permitia aproximar-se dos ramos com os relativamente longos membros superiores. Uma língua comprida e móvel facilitava desfolhá-los, assim como fazem as preguiças na árvores de hoje. Os megatérios se encontravam em estepes cobertas e nos bosques e é possível que vivessem em grupos.

Curiosidade: Antes se supunha que os megatérios foram caçados pelos tigres-dentes-de-sabre. Atualmente, as opiniões dos cientistas dizem que o megatério era muito grande para que um tigre-dente-de-sabre tivesse coragem para atacar e derrubar um animal daquele porte, tão bem armado com suas grandes unhas. Pelo contrário, é possível que o megatério atacasse ou derrubasse os gliptodontes, que foram frequentemente encontrados de costas. O megatério, por suas dimensões, foi o único animal da América do Sul capaz de derrubar um glyptodon adulto (alguns ceientistas especulam sobre sua possível zoofagia).

AUROQUE (URO) Bos primigenius

Seu habitat geográfico: Originalmente da Ásia, depois na Europa e África do Norte.

Sua presença temporal: Na Europa aparexe pela primeira vez provavelmente há uns 25 mil anos.

Descrição: O auroque tinha uma pelagem negra e parda com uma lista clara no centro e uma cabeça clara. Seus finos e longos chifres dobrados par acima eram característicos, e eram maiores que os chifres dos touros e das vacas. Era um animal sociável, que se movimentava em grupos familiares encaveçados por um macho e um grupo de fêmeas mais
velhas. O auroque pode ser classificado como um animal de bosque, que se alimentava de
gramíneas, plantas, frutos e folhas caídas.

Curiosidades: A domesticação do uro começou há 8.000 mil anos. Durante um tempo bem longo apareceram os tipos de uros. Os últimos auroques selvagens sobreviveram na Polônia até o século 17. Atualmente se realizam experimentos para se gerar uma espécie de auroque novamente.


ALCE-GIGANTE - Megaloceros giganteus

Seu habitat geográfico: As estepes da Europa e da Àsia (da Irlanda até o Baikal)

Sua presença temporal : 400.000 até 8.000 anos

Descrição: um grande cervídeo, típico por sua poderosa galhada em forma de pá. Seus chifres mediam até 3,6m e chegavam a pesar a té 40Kg. Sua dimensão era parecida à do alce, mas a forma de seu corpo corresponde mais às dos cervos e gamos. Esses gamos gigantes viviam em uma paisagem aberta estepe), que se expandiam emn geral ns épocas glaciais.
Curiosidades: Os chifres largos requerem uma grande quantidade de minerais principalmente de fosfato de cálcio. Graças à sua poderosa galhada, o alce-gigante só podia viver nas estepes, porque o terreno de selva representava para ele um grande perigo e uma zona instransitável.


RINOCERONTE-LANUDO - Coleodonta antiquitatis

Seu habitat georáfico: Europa e Ásia

Sua presença temporal: 700.000 até 10.000 anos

Descrição: O ricoceronte-lanudo se adaptou muito bem às condições extremas. Tinha uma pelagem parda e vermelha, que lhe protegia do frio. Seus dentes com coroas aguçadas e altas facilitavam que o rinoceronte consumisse alimentos mais resistentes - como gramíneas e musgos da estepe e tundra, onde viveu.
Tinha no crânio dois chifres dianteiros de queratina, que serviam para a defesa, para seduzir sua fêmea e também para cavar a neve em busca de alimento.


Curiosidade: O rinoceronte-lanudo foi um fiel companheiro do mamute. Portanto, onde se encontram os restos do esqueleto de um mamute, existe uma grande probabilidade de encontrar também os restos de rinoceronte-lanudo. A única região onde o rinoceronte não apareceu junto ao mamute foi na América do Norte. Por razões não explicadas até hoje, o riconceronte não atravessava o Estreito de Bering. Os que foram encontrados mais longe do leste estavam no territórioida China.

RINONCERONTE-DE-CHIFRE-GRANDE - Elasmotherium sibiricum

Se habitat geográfico: Europa, Rússia sul-oriental, China

Sua presença temporal: Os primeiros espécimes do elasmotherium apareceram, provavelmente, há 2 milhões de anos, no fim do plioceno. O maior espécime - Elasmotherium sibiricum - apareceu há 0,5 milhões de anos no meio do plioceno e se extingiu há 10 mil anos.

Descrição: Trata-se de um poderoso representante do grupo dos rinocerontes. Sem ter problemas com seu tamanho (o rinoceronte-de-chifre-grande pesa como um elefante de hoje) seu corpo se movia bem. No crânio tinha um chifre grande de queratina cuja base cobria quase toda a face do animal.

O comprimento de seu chifre é estimado em mais de 2 metros. Os elasmotérios viviam nas estepes abertas e também à beira dos rios, ode se alimentavam de gramíneas e juncos.

Curiosidade: O gigantesco e único chifre deste animal, que segundo alguns autores sobreviveu até o perído medieval, nos faz acreditar que o Elasmotherium serviu como inspiração para o animal mítico unicórnio.
"

www.curiosidades.jeitoetalento.com.br



+
Revista Jeito e Talento - Eventos e Festas

_Curiosidades|curiosidades jeito e talento

 
  Revista Jeito e Talento - Ensino - Cultura - Arte ILHAS FASCINANTES DO MUNDO_fotos JT
 
  QUAL A DIFERENÇA ..._enigmas JT
Especial Jeito e Talento - Aniversários  
  ...Receitas JT_faça você mesmo e saboreie...
 
 
06 - AS CIDADES MAIS QUENTES DO MUNDO _Burin Auto Center_pneus, alinhamento, balanceamento _Portal Jeito e Talento_variedades
 

5. PaTimbuktu, Mali — 54,5°C

Timbuktu, conhecida por ser a cidade localizada no meio do nada, é também um lugar muito quente. Ela fica no extremo sul do deserto do Saara, alguns quilômetros ao norte do rio Níger. Com uma alta registrada de 54,5 graus Celsius, Timbuktu é a 5ª cidade mais quente do mundo.(Foto: divulgação).

 
 

4. Kebili, Tunísia — 55°C

Embora seja muito quente, Kebili é realmente um oásis no deserto. A população enfrenta ondas de calor com temperaturas superiores a 55 graus Celsius. Os habitantes estocam água e se esforçam para manter uma temperatura corporal relativamente constante.(Foto: divulgação).

 
 

3. Ghadames, Líbia — 55°C

Ghadames é outro oásis no meio de um deserto. A população de cerca de 7.000 habitantes vive em casas feitas com paredes grossas de lama, cal, e troncos de árvores que ajudam a protegê-los do calor demasiado, especialmente no verão. Os telhados das casas são interligados, e muitas das ruas são cobertas, permitindo uma sombrinha, privacidade e segurança. (Foto: divulgação).


 
 

2. Death Valle (Vale da morte), Estados Unidos — 56,6°C

Death Valley é o vale mais seco e mais baixo dos Estados Unidos, condições que favorecem a obtenção do calor extremo. Em 10 de julho de 1913, os termômetros registraram 56,6 graus Celsius, a temperatura mais alta já medida nos Estados Unidos. Durante aquela semana, cinco dias seguidos marcaram 53 graus Celsius ou mais. (Foto: divulgação).

 
 

1. El Aziza, Líbia — 58°C

A temperatura mais quente já registrada na Terra foi em El Azizia, na Líbia, onde um calor de 58 graus Celsius entrou para os livros de história em 13 de setembro de 1922. Dois dias de ventos quentes precederam o recorde. (Foto: divulgação).

 
  Revista Jeito e Talento - Turismo e Lazer MEDALHISTAS DAS OLIMPÍADAS DE SOCHI 2014_fotos JT
 
  QUAL A DIFERENÇA ..._enigmas JT
Especial Jeito e Talento - Carnaval  
  ...Frases JT_rimas, poemas, engraçadas, de eventos, de amor...
 
 
07 - AS SETE MARAVILHAS DO MUNDO _Portal Jeito e Talento_variedades _Piadas JT_sorria para vida, anedotas, o que é, o que é, adivinhas
 

 

"As sete maravilhas do mundo (também conhecidas como Sete Maravilhas do Mundo Antigo) são uma famosa lista de majestosas obras artísticas e arquitetônicas erguidas durante a Antiguidade Clássica, cuja origem atribui-se a um pequeno poema do poeta grego Antípatro de Sídon.
Das sete maravilhas, a única que resiste até hoje praticamente intacta é a Pirâmide de Quéops, construída há quase cinco mil anos. É interessante que na Grécia se encontrava apenas a estátua de Zeus em Olímpia, construída em ouro e marfim com 12 metros de altura. A idéia que se tem dela vem das moedas de Elis onde foi cunhada a figura da estátua de Zeus.

As sete maravilhas do mundo antigo

Pirâmide de Quéops
Ao contrário do que muitos pensam é apenas a Pirâmide de Quéops (e não todas as três grandes Pirâmides de Gizé) que faz parte da lista original das Sete Maravilhas do Mundo. A Pirâmide de
Quéops foi construída há mais de 4500 anos, por volta do ano 2550 a.C., e é também chamada de
Grande Pirâmide de Gizé ou apenas Grande Pirâmide. A majestosa construção de 147 metros de altura foi a maior construção feita pelo homem durante mais de quatro mil anos, sendo superada apenas no final do século XIX (precisamente em 1889), com a construção da Torre Eiffel. A Grande Pirâmide de Gizé foi construída como tumba real para o faraó Khufu (que dá nome à pirâmide).

O curioso é que a pirâmide de Queóps já era a mais antiga dentre todas as maravilhas do mund
o antigo (afinal, na época já fazia mais de dois mil anos que havia sido construída) e é justamente a única que se mantém até hoje.

Jardins suspensos da Babilônia
Os Jardins Suspensos da Babilônia são as maravilhas menos conhecidas, já que até hoje encontram-se poucos relatos e nenhum sítio arqueológico foi encontrado com qualquer vestígio do monumento. O único que pode ser considerado "suspeito" é um poço fora dos padrões que imagina-se ter sido usado para bombear água. Foram construídos por volta de 600 a.C., às margens do rio Eufrates, na Mesopotâmia - no atual sul do Iraque. Os jardins, na verdade, eram seis montanhas artificiais feitas de tijolos de barro cozido, com terraços sobrepostos onde foram plantadas árvores e flores.
Calcula-se que estivessem apoiados em colunas cuja altura variava de 25 a 100 metros. Para se chegar aos terraços subia-se por uma escada de mármore; entre as folhagens havia mesas
e fontes.
Os jardins ficavam próximos ao palácio do rei Nabucodonosor II, que os teria mandado construir em homenagem à mulher, Amitis, saudosa das montanhas do lugar onde nascera. Capital do império caldeu, a Babilônia, sob Nabucodonosor, tornou-se a cidade mais rica do mundo antigo. Vivia do comércio e da navegação, buscando produtos na Arábia e na Índia e exportando lã, cevada e tecidos. Como não dispunham de pedras, os babilônios usavam em suas construções tijolos de barro cozido e azulejos esmaltados. No século V a.C., Heródoto dizia que a Babilônia "ultrapassava em esplendor qualquer cidade do mundo conhecido". Mas em 539 a.C. o império caldeu foi conquistado pelos persas e dois séculos mais tarde passou a ser dominado por Alexandre, o Grande, tornando-se parte da civilização helenística. Depois da morte de Alexandre (323 a.C.), a Babilônia deixou de ser a capital do império. Começou assim sua decadência. Não se sabe quando os jardins foram destruídos; sobre as ruínas da Babilônia ergueu-se, hoje, a cidade de Al-Hillah, a 160 quilômetros de Bagdá, a capital do Iraque.


Estátua de Zeus em Olímpia
A estátua de Zeus em Olímpia foi construída no século V a.C. por Fídias, em homenagem ao rei dos deuses gregos — Zeus. A estátua, construída em ouro e marfim e decorada com pedras preciosas, possuía 12 metros de altura. Após 800 anos foi levada para Constantinopla (hoje Istambul), onde acredita-se ter sido destruída em 462 d.C. por um terremoto.
Essa é considerada sua obra-prima. Tanto os gregos amavam seus trabalhos que dizia-se que ele revelava aos homens a imagem dos deuses. Supõe-se que a construção da estátua tenha levado cerca de oito anos. Zeus (Júpiter, para os romanos) era o senhor do Olimpo, a morada das divindades. A estátua media de 12 a 15 metros de altura - o equivalente a um prédio de cinco andares - e era toda de marfim e ébano. Seus olhos eram pedras preciosas. Fídias esculpiu Zeus sentado num trono. Na mão direita levava a estatueta de Nike, deusa da Vitória; na esquerda, uma esfera sob a qual se debruçava uma águia. Supõe-se que, como em representações de outros artistas, o Zeus de Fídias também mostrasse o cenho franzido. A lenda dizia que quando Zeus franzia a fronte o Olimpo todo tremia. Quando a estátua foi construída, a rivalidade entre Atenas e Esparta pela hegemonia no Mediterrâneo e na Grécia continental mergulhou os gregos numa sucessão de guerras. Os combates, no entanto, não prejudicaram as realizações culturais e artísticas da época. Ao contrário, o século V a.C. ficou conhecido como o século de ouro na história grega devido ao extraordinário florescimento da arquitetura, escultura e outras artes. A estátua de Zeus foi destruída nesse mesmo século V a.C.

Templo de Ártemis em Éfeso
O templo de Artemis em Éfeso, construído para a deusa grega da caça e protetora dos animais selvagens, foi o maior templo do mundo antigo. Localizado em Éfeso, atual Turquia, o templo foi construído em 550 a.C. pelo arquiteto cretense Quersifrão e por seu filho, Metagenes. Após concluído virou atração turística com visitantes de diversos lugares entregando oferendas, e foi destruído em 356 a.C. por Heróstrato, que acreditava que destruindo o templo de Ártemis teria seu nome espalhado por todo o mundo. Sabendo disso, os habitantes da cidade não revelaram seu nome, só conhecido graças ao historiador Strabo. Alexandre ofereceu-se para restaurar o templo, mas ele começou a ser reconstruído só em 323 a.C., ano da morte do macedônio.

Mesmo assim, em 262 d.C., ele foi novamente destruído, desta vez por um ataque dos godos. Com a conversão dos cidadãos da região e do mundo ao cristianismo, o templo foi perdendo importância e veio abaixo em 401 d.C; e hoje existe apenas um pilar da construção original em suas ruínas.

Mausoléu de Halicarnasso

O mausoléu de Halicarnasso foi o suntuoso túmulo que a rainha Artemísia II de Cária mandou construir sobre os restos mortais de seu irmão e marido, o rei Mausolo, em 353 a.C.. Foi construído por dois arquitetos gregos — Sátiro e Pítis — e por quatro escultores gregos — Briáxis, Escopas, Leocarés e Timóteo.
Hoje, os fragmentos desse monumento são encontrados no Museu Britânico, em Londres, e em Bodrum, na Turquia. A palavra mausoléu é derivada de Mausolo.


Colosso de Rodes

O Colosso de Rodes era uma gigantesca estátua do deus grego Hélios colocada na entrada marítima da ilha grega de Rodes. Ela foi finalizada em 280 a.C. pelo escultor Carés de Lindos, tendo 30 metros de altura e setenta toneladas de bronze, de modo que qualquer barco que adentrasse a ilha passaria entre suas pernas, que possuía um pé em cada margem do canal que levava ao porto. Na sua mão direita havia um farol que guiava as embarcações à noite. Era uma estátua tão imponente que um homem de estatura normal não conseguia abraçar o seu polegar. Foi construída para comemorar a retirada das tropas macedônias que tentavam conquistar a ilha, e o material utilizado para sua confecção foram armas abandonadas pelos macedônios no lugar. Apesar de imponente, ficou em pé durante apenas 55 anos, sendo abalada por um terremoto que a jogou no fundo da baía. Ptolomeu III se ofereceu para reconstruí-la, mas os habitantes da ilha recusaram por achar que haviam ofendido Hélios. E no fundo do mar ainda era tão impressionante que muitos viajaram para vê-la lá em baixo, onde foi esquecida até a chegada dos árabes, que a venderam como sucata.

Farol de Alexandria
O Farol de Alexandria foi construído a mando de Ptolomeu I no ano 280 a.C. pelo arquiteto e engenheiro grego Sóstrato de Cnido. Era uma torre de mármore situada na ilha de Faros (por isso, "farol"), próxima ao porto de Alexandria, Egito, no alto da qual ardia uma chama que, através de espelhos, iluminava até 50 km de distância, daí a grande fama e imponência daquele farol. À excepção das pirâmides de Gizé, foi a que mais tempo durou entre as outras maravilhas do mundo, sendo destruída por um terremoto em 1375. Suas ruínas foram encontradas em 1994 por mergulhadores, o que depois foi confirmado por imagens de satélite.

Origem da Lista
A origem da lista é duvidosa, normalmente atribuída ao poeta e escritor grego Antípatro de Sídon, que escreveu sobre as estruturas em um poema. Outro documento que contém tal lista é o livro De septem orbis miraculis, do engenheiro grego Philon de Bizâncio. A lista também é conhecida como Ta hepta Thaemata ("as sete coisas dignas de serem vistas").
Os gregos foram os primeiros povos a relacionar as sete maravilhas do mundo entre os anos 150 e 120 a.C.. Extraordinários monumentos e esculturas erguidos pela mão do homem, construídos na antigüidade fascinam por sua majestade, riqueza de detalhes e magnitude até hoje. Podemos imaginar o aspecto que outros monumentos e esculturas tinham a partir de descrições e reproduções estilizadas em moedas.

As novas Sete Maravilhas
Em 2006 a fundação New 7 Wonders estabeleceu um projeto para escolher as novas Sete Maravilhas do Mundo. Para isso, no dia 1 de janeiro de 2007 deu início a um concurso para eleger as novas Sete Maravilhas.
A 7 de Julho de 2007 foram divulgadas as novas sete maravilhas.

Maravilhas do mundo medieval

Existem diversas listas sobre as "(Ssete) Mravilhas do Mundo Medieval" da Idade Média. Mas é pouco provável que estas listas surgiram nessa época, porque a palavra "medieval" foi introduzida na época do Iluminismo e o conceito da "Idade Média" tornou-se popular só a partir do século XVI. O dicionário Brewer's Dictionary of Phrase & Fable sugire tratar-las como listas desenvolvidas após a Idade Média.

Muitas das estruturas contidas nestas listas foram construídas antes da Idade Média, mas eram bem conhecidos. As listas levam nomes como "Maravilhas da Idade Média" (implicando nenhuma limitação específica para sete), "Sete Maravilhas da Idade Média", "Patrimônio Medieval" e outras denominações.
Os representantes mais comuns das Sete Maravilhas da Idade Média são:

Stonehenge

Coliseu de Roma

Catacumbas de Kom el Shoqafa

Torre de Porcelana de Nanquim

A Grande Muralha da China

Torre de Pisa

Basílica de Santa Sofia

Porém, existem listas adicionando ainda mais itens, como por exemplo:


Abadia de Cluny

Taj Mahal e outros"

www.curiosidades.jeitoetalento.com.br



+
Revista Jeito e Talento - Eventos e Festas

_Dicas|dicas jeito e talento

 
  Revista Jeito e Talento - Turismo e Lazer LEITURA DECIFRADA_enigmas JT
 
  PALAVRAS-CRUZADAS: SAMBA_passatempos JT
Especial Jeito e Talento - Futebol  
  ...Eletroserv = material e instalações elétricas em geral, alarmes e antenas = Eletroserv...
 
 
08 - AS SETE NOVAS MARAVILHAS DO MUNDO _Loja do Sidney_calçados, enxovais, confecções em geral _CSC Vasos_cerâmica artística e vasos ornamentais
 

 

"As Novas 7 Maravilhas do Mundo foi uma revisão de caráter informal e recreativo da lista original das Sete Maravilhas, idealizada por uma organização suíça chamada New Open World Corporation (NOWC). A seleção foi feita mundialmente por votos pela internet gratuitos e ligações telefônicas. Ao final do ano de 2005, a lista de monumentos inscritos contava com 200 integrantes e foi reduzida aos 77 mais votados pelo público.

Os 21 monumentos finalistas foram escolhidos por um grupo de arquitetos liderados pelo ex-diretor geral da Unesco Federico Mayor, com base nos critérios de beleza, complexidade, valor histórico, relevância cultural e significado arquitétocnico. Porém, as Pirâmides do Egipto foram retiradas da lista de finalistas para receber o título de "Maravilha Honorária", restando apenas 20 finalistas que foram novamente submetidos a votação livre. Os 7 monumentos vencedores foram apresentados publicamente em uma cerimônia realizada no dia 7 de Julho de 2007 no Estádio da Luz, em Lisboa, Portugal. Nessa mesma apresentação foram também reveladas as Sete Maravilhas de Portugal. A votação foi uma das maiores da história contabilizando mais de 100 milhões de votos.

História

De acordo com a página NOWC milestones, o empresário suíço Bernard Weber criou o projeto em setembro de 1999. Em 24 de novembro de 2005, 177 monumentos foram incluídos na votação. Para ser incluído na lista, as maravilhas deveriam ser criadas pelo homem, ter sido completadas antes do ano 2000, e estar em estado de conservação "aceitável". Em 1 de janeiro de 2006, o NOWC divulgou que a lista tinha sido diminuída para 21 locais, e depois à 20 com as reclamações do Egito.
Os votos poderiam ser dados por qualquer pessoa, organização ou governo. Como foi explicado nos Termos e Condições, o NOWC "preserva o direito da absoluta discrição a fim de excluir qualquer voto" em desacordo com os termos e condições.
Federico Mayor, um ex-Diretor Geral da UNESCO, é o presidente do projeto. Entretanto, o NOWC não tem nenhuma ligação com a UNESCO.

Críticas

Apesar de ter sido feita a escolha dos monumentos finalistas por um grupo de arquitetos liderados pelo ex-diretor geral da UNESCO, Federico Mayor, o concurso não possui o apoio da entidade, que apontou a falta de critérios científicos para a escolha das maravilhas, destacando o caráter informal e recreativo do concurso. Além disso, a UNESCO argumentou sobre o uso do sistema baseado em votos pela Internet, em que uma mesma pessoa poderia votar várias vezes usando endereços de correio eletrônico diferentes.Tornando esta lista meramente ilustrativa e não oficial, não podendo ser levada em consideração pelas instituições mundiais.

Os vencedores

Ruínas de Petra, Jordânia

Petra é uma antiga cidade em ruinas na Jordânia. Ela é conhecida por ser completamente esculpida diretamente na rocha. -

Curiosidade de Petra na Jordânia: Próximo a Petra está a nascente do rio Wadi Musa (Vale de Moisés), o qual conta a Bíblia, que foi o local onde Moisés abriu as águas com seu cajado. Também foi em Petra a última parada dos 3 Reis Magos antes de visitar o Menino Jesus.

Grande Muralha da China, China
A Grande Muralha da China é a maior construção do mundo, com cerca de 8851 km de comprimento e 6 metros de largura. A característica especial dessa Maravilha Moderna é que foi construída ao longo de 2000 anos, desde o ano 200 a.C. O governo chinês constantemente está restaurando o muro, já que é impossível recuperá-la por completo ao mesmo tempo. Uma visita imperdível em viagem a China! -

Curiosidade: Alega-se que a Grande Muralha deve ser o único objeto que pode ser vista do espaço a olho nu. No entanto os astronautas negam essa informação.

Cristo Redentor Rio de Janeiro, Brasil

O Cristo Redentor do Rio de Janeiro está no alto do Morro do Corcovado. A estátua foi originalmente imaginada para comemorar o Centenário da Independência no Brasil. Embora a construção tenha começado em 1922, a conclusão só ocorreu 10 anos depois devido a falta de verbas. O Cristo Redentor tem 30 metros de altura mais 8 metro de seu pedestal.

Curiosidade sobre o Cristo Redentor no Rio: Em 2010 houve um escândalo, porque um artista desconhecido pichou a estátua sagrada. A pintura foi, claro, rapidamente removida.

Machu Picchu Cusco, Peru

Machu Picchu, a “cidade perdida dos Incas” em ruínas, construída no século XV. No cume de uma montanha, que fica a cerca de 2.360 metros de altura, Machu Picchu desde 2007, é uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno. Uma visita obrigatória em viagem ao Peru!

Curiosidade Machu Picchu: Até o momento, ninguém sabe por que a cidade foi abandonada. Acredita-se que o Machu Picchu era uma cidade governada por um rei, que após sua morte, a população não viu mais sentido ficar ali. - See more at: http://viagemmundo.com.br/7-curiosidades-sobre-as-7-maravilhas-do-mundo-moderno/#sthash.bvPnRFPQ.dpuf

Chichén Itzá Yucatán, México
Chichen Itza é uma ruína na península de Yucatan no México. A ruína é uma grande pirâmide escalonada, pertencente à civilização Maia. O Chichen Itza tem uma arquitetura única já que mistura vários estilos.


Curiosidade Chichen Itza Sempre que o dia e a noite têm a mesma duração (22 de Março e 22 de Setembro), o sol faz uma sombra que se projeta sobre o Chichen Itza. Se você tem sorte e não tiver nenhuma nuvem no céu, é possível ver.

Coliseu Roma, Itália

O Coliseu é o maior símbolo de Roma, uma das 7 Maravilhas do Novo Mundo, e o maior anfiteatro construído pelo Império Romano. O teatro construído por Vespasiano, foi financiado pelos despojos da guerra judaica e pelos tesouros de ouro roubados do Templo de Jerusalém.

Curiosidade sobre o Coliseu: O Coliseu, desde 1999, é um monumento contra a pena de morte! Sempre que ocorre uma sentença de morte, todo o anfiteatro brilha por 48 horas.

Taj Mahal Agra, Índia
O Taj Mahal, uma das Sete Novas Maravilhas do Mundo, é um mausoléu, com 58 metros de altura e 56 metros de largura. Foi construído para sepultar a esposa morta de Mumtaz Mahal, o Imperador Mughal Shah Jahan. Artesãos e arquitetos de toda a Ásia foram chamados para construir o grandioso túmulo.

Curiosidade sobre o Taj Mahal: Supostamente, após o término da construção do Taj Mahal na Índia, todos os artesãos e arquitetos que nele trabalharam, foram assassinados, para evitar que houvesse outro igual no mundo.

Os restantes finalistas

Acrópole de Atenas Atenas, Grécia
Alhambra Granada, Espanha
Angkor Wat Angkor, Camboja
Moais da Ilha de Páscoa Ilha de Páscoa, Chile
Torre Eiffel Paris, França
Hagia Sofia Istambul, Turquia
Kiyomizu-dera Quioto, Japão
Kremlin, Praça Vermelha, e Catedral de São Basílio Moscou, Rússia

Castelo de Neuschwanstein Füssen, Alemanha
Pirâmides de Gizé
("maravilha honorária"), Egito
Estátua da Liberdade Nova Iorque, Estados Unidos
Stonehenge Amesbury, Reino Unido
Sydney Opera House Sydney, Austrália
Tombuctu
"

www.curiosidades.jeitoetalento.com.br



+
Revista Jeito e Talento - Ensino - Cultura - Arte

_Fotografando JT

 
  Revista Jeito e Talento - Eventos e Festas COMO TRABALHAR EM CASA_dicas JT
 
  ILHAS FASCINANTES DO MUNDO_fotos JT
Especial Jeito e Talento - Futebol  
  ...Loja do Sidney = calçados, enxovais, confecções em geral = Loja do Sidney...
 
...TODO TIPO DE CURIOSIDADES SOBRE MUNDO
     
Recomende: facebook | twitter | orkut | msn (contato@jeitoetalento.com)
 
 
 
CURIOSIDADES (JT)

CURIOSIDADES (JT)
 
    ANTERIORES - PRÓX. CURIOSIDADES    
  PÁGINAS << 01 ... 01 02 02 ... 02 >> MENU  
VEJA TAMBÉM...

menu frases Rimas de RodeioFrases para Aniversários de 15 anosFrases de Aniversário de l anoFrases de Para-Choque de CaminhãoAniversários de AdultosMensagens para Aaniversários de 15 anosMensagens para CasamentosFrases BíblicasMensagens de ReconciliaçãoMensagens de AcolhidaFrases de NatalTrava LínguasGírias de FutebolCantigas de Roda - letra e músicaParlendas InfantisFrases de AmizadeMensagens para Aniversários de 18 anosCerimoniais para DebutantesFrases EngraçadasCorreio Elegante - GalanteioFrases de PáscoaMensagens de FormaturaCantadas e XavecosFrases de Aniversário de 2 anosHinos de Futebol - letra e músicaMensagens de DespedidaRimas de Amor

_anuncie_ __________ PORTAL __________ _anuncie_
_Tendas Global_tendas, palcos, locação _Loja do Sidney_calçados, enxovais, confecções em geral _Dicas JT_como fazer, como resolver _Valdirart Design_design gráfico _Tendas Global_tendas, palcos, locação _Tendas Global_tendas, palcos, locação _Dicas JT_como fazer, como resolver

Painel Jeito e Talento Painel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e TalentoPainel Jeito e Talento

(www.enigmas.jeitoetalento.com)
(JT) (www.jogosmais.jeitoetalento.com)